30.11.05

Your Time is Now



Sao poucos os livros que eu tive vontade de reler na vida. Sao tantos os que eu quero ler que eu normalmente acho que vou morrer antes de dar tempo de ler tudo e por isso prefiro nao repetir. Mas uma vez ou outra, rarissimas excecoes cruzam meu caminho - eu diria que em 23 anos, 3 ou 4 desses apareceram - e ai' de-lhe escarafunchar o tal do livro, memorizar paragrafos, sublinhar paginas inteiras, reler, reler, reler. Cold Water, dessa menina Gwendoline Riley, e' um desses. A prosa dessa mina e' tao maravilhosamente minimalista e incisiva, tao contemporanea, que eu tenho vontade de imitar tudo o que ela escreve. Mas o melhor de tudo e' a maneira romantica e apaixonada com que ela representa a frieza e o tedio de Manchester, atraves da rotina repetitiva de uma barmaid que vive de frequentar gigs depois do expediente vende livros e discos nos sebos quando o salario acaba antes do tempo, e cria lacos com os excentricos que frequentam o bar que ela trabalha. E tudo isso faz com que eu me lembre o quao potencialmente romantica e inspiradora a minha rotina cinzenta em Londres pode tambem ser.

1 comment:

Maya said...

Oi, Thais

Concordo plenamente com a sua opinao positiva sobre esse livro, que eu li, por sinal,depois de ter lido sobre ele alguns meses atras no aqui seu blog.
Grande beijo e continue com suas dicas literarias, please
Maya