9.5.06

Palhaçada

Era só o que faltava. Eu já sabia que desde o começo do ano o sindicato dos professores universitários britânicos está se recusando a dar notas nos nossos trabalhos em protesto contra a falta de um aumento salarial. Quando perguntei em Março pra uma professora o que estava acontecendo que a gente não tinha recebido nenhuma nota a meses, ela explicou da greve e disse que não tinha data certa de quando o protesto iria acabar. Daí me veio na cabeça na hora: "Isso significa que vocês não vão dar notas pras nossas monografias?". Ela respondeu: "Isso significa que talvez você nem receba seu diploma." Há.

Na hora entrei em pânico, mas meus colegas disseram que isso era absurdo e muito difícil de acontecer. 'Imagine só, tem 400 mil alunos se formando esse ano, ce acha que não vai rolar a maior pressão em cima dos professores? Eles são minoria."

Só que hoje sai no jornal que o sindicato rejeitou uma proposta de aumento e recomenda que os professores não sigam em frente com os exames finais desse ano. Palhaçada. Não é como se eles tivessem passando fome (um professor full-time ganha por volta de £35 mil por ano, algo em torno de 133 mil reais). Quem devia reclamar éramos nós, estudantes internacionais, que viemos de outro país e pagamos um absurdo por ano pra não ganhar o tal diploma. Palhaçada. Alguma coisa vai ter que acontecer.

6 comments:

Adri Amaral said...

nossa, se els soubessem o quanto eu ganho sendo rpof. universitária aqui, eles se jogariam no tâmisa de vez...risos...

Adri Amaral said...

ah, esqueci de falar, mas dividindo aqui deu em torno de 11 mil reais por mês não é tanto assim não - mas ainda é mais do q eu como prof full time ganho :(.. entendo tu ficar chateada e tb acho q greve não leva a lugar algum, mas nos EUA eles ganham mais e considerando q a Europa ta bem cara... bem, a grande diferença é q eles tem bem mais verbas pra pesquisa do que nós....

Thais Mendes said...

é, diz que eles nao recebem aumento (ou ajuste salarial) a quase 20 anos, e que a inflação anda sobrecarregando eles.

eu entendo a causa, mas o foda é os estudantes internacionais voltarem pra casa sem o diploma. E pra pegar depois? :/

Anonymous said...

Malditosssssss!!!
todos!
me sinto usada....
Muak
mari

Rodrigo Noronha said...

Fala Thais,

Gostei muito do seu blog, mas devo dizer que discordo devc. Os salarios dos professores eh baixo pacas, levando em consideracao a importancia do trabalho deles.

Meu trabalho eh dez vezes menos importante e eu ganho mais de 35k...

Mas tb acho bem mau esse negocio de nao dar as notas. Primeiro pela sacanagem com quem nao tem nada a ver e inclusive esta pagando parte (ou tudo) da educacao do proprio bolso e depois porque concordo com seus amigos - o plano nao vai dar certo e a pior coisa do mundo eh furada de greve...

Por fim - "Who the hell is this guy?" vc deve ta pensando. Te achei no orkut, na comuna da Warung (que saudade). Achei tua foto bonita e quando entrei no seu perfil vi que vc estava aqui e ai uma coisa leva a outra... :-)

Coragem no blog, eu meio que abandonei o meu...

Thais Mendes said...

oi rodrigo!

35K? uau, vc e' o que, banqueiro na city?
e tu ve ne', o orkut faz esse mundo ser muito pequeno...

nao abandona o blog nao, keep up the good work!

bj!